Cidade de Vassours - RJ

amovassouras

amovassouras
.

.

PARA VISUALIZAR MELHOR ESSE BLOG
USE O WINDOWS INTERNET EXPLORER

segunda-feira, 23 de julho de 2012

"A boa mãe é aquela que vai se tornando desnecessária com o passar do tempo.
Várias vezes ouvi de um amigo psicanalista essa frase, e ela sempre me soou estranha.
Chegou a hora de reprimir de vez o impulso natural materno de querer colocar a cria embaixo da asa, protegida de todos os erros, tristezas e perigos.
Uma batalha hercúlea, confesso.
Quando começo a esmorecer na luta para controlar a super-mãe que todas temos dentro de nós, lembro logo da frase, hoje absolutamente clara.
Se eu fiz o meu trabalho direito, tenho que me tornar desnecessária.
Antes que alguma mãe apressada me acuse de desamor, explico o que significa isso.
Ser “desnecessária” é não deixar que o amor incondicional de mãe, que sempre existirá, provoque vício e dependência nos filhos, como uma droga, a ponto de eles não conseguirem ser autônomos, confiantes e independentes. Prontos para traçar seu rumo, fazer suas escolhas, superar suas frustrações e cometer os próprios erros também.
A cada fase da vida, vamos cortando e refazendo o cordão umbilical.
A cada nova fase, uma nova perda é um novo ganho, para os dois lados, mãe e filho.
Porque o amor é um processo de libertação permanente e esse vínculo não pára de se transformar ao longo da vida.
Até o dia em que os filhos se tornam adultos, constituem a própria família e recomeçam o ciclo.
O que eles precisam é ter certeza de que estamos lá, firmes, na concordância ou na divergência, no sucesso ou no fracasso, com o peito aberto para o aconchego, o abraço apertado, o conforto nas horas difíceis.
Pai e mãe - solidários - criam filhos para serem livres.
Esse é o maior desafio e a principal missão.
Ao aprendermos a ser “desnecessários”, nos transformamos em porto seguro para quando eles decidirem atracar."
"Dê a quem você Ama :
- Asas para voar...
- Raízes para voltar...
- Motivos para ficar... "
Desconheço autor

quarta-feira, 18 de julho de 2012

Quando a alma está apaixonada 
o universo conspira até as rosas falam,
 todos os medos se calam e tudo é tão bonito.
 A entrega, o desejo... 
Cada verso lido parece com a gente falar.
 (Sirlei L. Passolongo)
A vida não está ai apenas para ser suportada ou vivida, 
mas elaborada. Eventualmente reprogramada. 
Conscientemente executada. 
Não é preciso realizar nada de espetacular.
Mas que no mínimo seja o máximo que
         a gente conseguiu fazer consigo mesmo.
 
(Fernanda Mello)

segunda-feira, 16 de julho de 2012


(…) E apesar de rir e fingir que não me importo,
 eu me importo sim. Tem dias que gostaria de ser diferente,
 mas isso é impossível. 
Estou presa ao caráter com qual nasci,
 e mesmo assim tenho certeza de que não sou má pessoa.
 Faço o máximo para agradar a todos,
 mais do que eles suspeitariam num milhão de anos.
 
[O Diário de Anne Frank]

domingo, 15 de julho de 2012


"Pois de amor andamos todos precisados, 
em dose tal que nos alegre, nos reumanize, 
nos corrija, nos dê paciência e esperança, 
força, capacidade de entender, 
perdoar, ir para a frente.
 Amor que seja navio, casa, coisa cintilante, 
que nos vacine contra o feio, o errado, 
o triste, o mau, o absurdo e o mais 
que estamos vivendo ou presenciando."  
Carlos Drummond de Andrade 

sábado, 14 de julho de 2012


"Nosso coração é uma casa onde ninguém entra e sai, com ou sem nossa permissão, sem deixar marcas nas paredes.
Muitos deixam marcas profundas de felicidade; outros deixam cicatrizes que marcarão nossa vida para sempre.
Os amigos deixam marcas fortes, mas suaves.
E cada vez que tocamos nossa alma com nossas recordações lá estão os traços, invisíveis, mas legíveis, como as escrituras em Braile".
 (Letícia Thompson)

sexta-feira, 13 de julho de 2012

"A vida requer cuidado. 
Os amores também. 
 Flores e espinhos são belezas que se dão juntas. 
Não queira uma só, elas não sabem viver sozinhas...
Quem quizer levar a rosa para sua vida, terá de saber
 que com elas vão inumeros espinhos. 
Não se preocupe a beleza da rosa vale o incômodo dos espinhos..."
 
Padre Fábio de Melo

Um Sorriso

Não custa nada e rende muito.
Enriquece quem o recebe, sem empobrecer quem o dá.
Dura somente um instante, mas seus efeitos perduram para sempre.
Ninguém é tão rico que dele não precise.
Ninguém é tão pobre que não o possa dar.
Leva a felicidade a todos e à toda a parte.
É símbolo da amizade, da boa vontade, 
é alento para os desanimados, repouso para os cansados;
raio de sol para os tristes; ressurreição para os desesperados.
Não se compra nem se empresta.
Nenhuma moeda do mundo pode pagar o seu valor.
Não há ninguém que precise tanto de um sorriso, 
como aquele que não sabe mais sorrir.
Quando você nasceu, todos sorriram, só você é quem chorava;
 viva de tal maneira que, quando você morrer,
 todos chorem e somente você sorria.
Desconheço o autor

quinta-feira, 12 de julho de 2012


"Permita que eu feche os meus olhos,
pois é muito longe e tão tarde!
Pensei que era apenas demora,
e cantando pus-me a esperar-te.
Permita que agora emudeça:
que me conforme em ser sozinha.
Há uma doce luz no silencio,
e a dor é de origem divina.
Permita que eu volte o meu rosto 
para um céu maior que este mundo,
e aprenda a ser dócil no sonho 
como as estrelas no seu rumo" 
Cecília Meireles

"Ele é de um jeito que ainda não sei, 
 porque nem vi. 
Vai olhar direto para mim. 
Ele vai sentar na minha mesa, 
me olhar no olho,
 pegar na minha mão,
 encostar seu joelho quente 
na minha coxa fria e dizer: 
vem comigo".
 
Caio F.Abreu

quarta-feira, 11 de julho de 2012

"Sempre desprezei as coisas mornas, as coisas que não provocam ódio nem paixão, as coisas definidas como mais ou menos, um filme mais ou menos ,um livro mais ou menos.
Tudo perda de tempo.
Viver tem que ser perturbador, é preciso que nossos anjos e demônios sejam despertados, e com eles sua raiva, seu orgulho, seu asco, sua adoração ou seu desprezo.
O que não faz você mover um músculo, o que não faz você estremecer, suar, desatinar, não merece fazer parte da sua biografia."
 
Martha Medeiros

segunda-feira, 9 de julho de 2012


"O número de súplicas estapafúrdias segue aumentando e quase ninguém mais se lembra de agradecer o mistério da existência, o poder transformador dos afetos, a liberdade de escolha, o contato com o que ainda nos resta de natureza, o encanto dos encontros, a poesia que há numa vida serena, a alma nossa de cada dia, essas coisas que parecem tão obsoletas, e pelo visto são. Oh, Deus, desça daí, faça alguma coisa, que aqui embaixo trocaram o abstrato pelo concreto e não demora estarão pedindo a parte deles em dinheiro."  
[Martha Medeiros]

domingo, 8 de julho de 2012

"Para aqueles que me fizeram chorar,
Para aqueles que me invejaram,
Para aqueles que me substimaram,
Para aqueles que me magoaram
Para aqueles que não acreditaram em mim,
Eu apenas ofereço a minha ... FELICIDADE ! "

sábado, 7 de julho de 2012

"Tem gente que tem cheiro de colo de Deus.
De banho de mar quando a água é quente e o céu é azul.
Ao lado delas, a gente sabe que os anjos existem e que alguns são invisíveis.
Ao lado delas, a gente se sente chegando em casa e trocando o salto pelo chinelo.
Sonhando a maior tolice do mundo com o gozo de quem não liga pra isso.
Ao lado delas, pode ser abril, mas parece manhã de Natal do tempo em que a gente acordava e encontrava o presente do Papai Noel.
Tem gente que tem cheiro das estrelas que Deus acendeu no céu e daquelas que conseguimos acender na Terra.
Ao lado delas, a gente não acha que o amor é possível, a gente tem certeza.
Ao lado delas, a gente se sente visitando um lugar feito de alegria.
Recebendo um buquê de carinhos.
Abraçando um filhote de urso panda.
Tocando com os olhos os olhos da paz.
Ao lado delas, saboreamos a delícia do toque suave que sua presença sopra no nosso coração.
Tem gente que tem cheiro de cafuné sem pressa.
Do brinquedo que a gente não largava. Do acalanto que o silêncio canta.
Ao lado delas, a gente lembra que no instante em que rimos Deus está conosco, juntinho ao nosso lado.
E a gente ri grande que nem menino arteiro.
Tem gente como você que nem percebe como tem a alma perfumada!
E que esse perfume é dom de Deus."
 
Ana Jacomo

quinta-feira, 5 de julho de 2012

Fácil e Difícil
"É fácil trocar as palavras,
Difícil é interpretar os silêncios!
É fácil caminhar lado a lado,
Difícil é saber como se encontrar!
É fácil beijar o rosto,
Difícil é chegar ao coração!
É fácil apertar as mãos,
Difícil é reter o calor!
É fácil sentir o amor,
Difícil é conter sua torrente!

Como é por dentro outra pessoa?

Quem é que o saberá sonhar?
A alma de outrem é outro universo
Com que não há comunicação possível,
Com que não há verdadeiro entendimento.

Nada sabemos da alma

Senão da nossa;
As dos outros são olhares,
São gestos, são palavras,
Com a suposição
De qualquer semelhança no fundo."
 
Fernando Pessoa

“Pois eu quero mais dessa maluquice que me ajuda a reinventar maneiras de estar aqui… Porque para se estar aqui com um pouco que seja de conforto na alma há que se ter riso. Há que se ter fé. Há que se ter a poesia dos afetos… Há que se ter um olhar viçoso. E muita criatividade!”
 
Ana Jácomo


"Na vida a gente,

Colhe flores,

se planta sementes de primaveras,

Colhe sonhos,

se planta sementes de esperas,

Colhe fé,

se planta cedo, fervorosas rezas,

Colhe alegrias,

se vive por aí a sorrir quimeras,

e eu colho braçados de vida,

... pois desde o tempo de criança,

preparo canteiros

de amores e semeio sementes miúdas

de esperança..."

quarta-feira, 4 de julho de 2012

"Sentem-se amados aqueles que perdoam um ao outro e que não transformam a mágoa em munição na hora da discussão. Sente-se amado aquele que se sente aceito, que se sente bem-vindo, que se sente inteiro. Sente-se amado aquele que tem sua solidão respeitada, aquele que sabe que não existe assunto proibido, que tudo pode ser dito e compreendido. Sente-se amado quem se sente seguro para ser exatamente como é, sem inventar um personagem para a relação, pois personagem nenhum se sustenta muito tempo. Sente-se amado quem não ofega, mas suspira; quem não levanta a voz, mas fala; quem não concorda, mas escuta. Agora sente-se e escute: eu te amo não diz tudo."
 
Martha Medeiros

segunda-feira, 2 de julho de 2012

Enquanto não superarmos
a ânsia do amor sem limites,
não podemos crescer
emocionalmente.

Enquanto não atravessarmos
a dor de nossa própria solidão,
continuaremos
a nos buscar em outras metades.
Para viver a dois, antes, é
necessário ser um.
Fernando Pessoa

domingo, 1 de julho de 2012

A vida tem duas faces:
Positiva e negativa
O passado foi duro
mas deixou o seu legado
Saber viver é a grande sabedoria
Que eu possa dignificar
Minha condição de mulher,
Aceitar suas limitações
E me fazer pedra de segurança
dos valores que vão desmoronando.
Nasci em tempos rudes
Aceitei contradições
lutas e pedras
como lições de vida
e delas me sirvo
Aprendi a viver.  

Cora Coralina